Blog

A ORIGEM DA ESFIHA

A esfiha é um prato muito conhecido entre os brasileiros, e um dos preferidos. Não é deixado de lado em uma reunião de amigos ou num sábado a noite, mas você conhece a origem desse prato típico árabe? Confira:

A história começa no Oriente Médio Antigo, onde os fenícios – antiga civilização onde hoje se encontra o Líbano, partes da Síria e Israel -, três séculos antes de Cristo, acrescentavam coberturas de carne e cebola no pão sírio – antecessor da esfiha.
Logo que o Iraque passou a cultivar trigo, cevada, pistache, nozes, romãs e figos, criou o pão chato e redondo. O surgimento da esfiha aberta se deu quando o Líbano introduziu o hábito de cobrir o pão com carne e cebola.

Curiosamente, a prática chegou na Itália durante as Cruzadas, e os italianos substituíram a carne por queijo e mais tarde adicionaram o tomate. Daí nasceu a pizza. A prática da esfiha fechada surgiu já no Ocidente.
A massa é a mesma que o pão, mas por conta da difusão, a massa passou a ser preparada com ingredientes específicos de cada região.

Ela chega ao Brasil com os imigrantes sírio-libaneses, entre os séculos XIX e XX, quando houve o aumento do fluxo migratório.

Comentar

Seu e-mail não será publicado.